terça-feira, 16/04/2024
Banner animado
InícioNotíciasEducaçãoAlô estudantes! O MEC lançou o Fies Social, uma nova versão do...

Alô estudantes! O MEC lançou o Fies Social, uma nova versão do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para baixa renda

Banner animado

Por Karen Belém

Imagem de capa para Governo lança Fies Social para estudantes de baixa renda
O Fies Social é a oportunidade de ingressar na faculdade sem grandes preocupações financeiras. – Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Alô estudantes! O Ministério da Educação (MEC) lançou o Fies Social, uma nova versão do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que oferece cobertura total dos custos de ensino em faculdades particulares. Os alunos pagam os gastos só depois da formatura.

O benefício é destinado a estudantes com renda familiar de até meio salário mínimo (R$ 706) e que estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

No entanto, o programa não vai financiar mais do que R$ 60 mil por semestre para medicina e R$ 42,9 mil para outros cursos. Caso a mensalidade da universidade seja superior a esse valor, o estudante terá que arcar com a diferença.

about:blank

Os alunos pagavam uma boa parte

Desde 2016, o Fies não fornecia empréstimos que cobrissem totalmente os encargos educacionais.

Ou seja, mesmo com oprograma, os estudantes ainda tinham que arcar com uma parte significativa dos custos da mensalidade.

Para quem vinha de famílias com menor renda, a situação era ainda mais difícil.

Ler mais notícia boa

Vagas

Não foi divulgado o número total de alunos que serão beneficiados, mas foi confirmado que metade das vagas do Fies irão para o Fies Social.

Também terá vagas reservas para estudantes autodeclarados pretos, pardos, indígenas e quilombolas, além de como pessoas com deficiência.

A quantidade dessas vagas será de acordo com as proporções da população do estado onde a instituição de ensino está localizada.

Já vai valer no 2º semestre

De acordo com o MEC, o Fies Social já será disponibilizado a partir do segundo semestre de 2024.

Alunos que se enquadram no perfil do benefício não precisam passar pelo cálculo de comprometimento da renda mensal para definir o percentual financiável.

Para se candidatar ao financiamento, é preciso ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obter notas médias iguais ou superiores a 450 pontos, além de não zerar a redação.

Uma conquista para a educação e para a inclusão social!

A nova modalidade do Fies quer reservar vagas do programa especialmente para estudantes de baixa renda, pretos, pardos, indígenas e quilombolas. - Foto: Marcello Casal jr./Agência Brasil

A nova modalidade do Fies quer reservar vagas do programa especialmente para estudantes de baixa renda, pretos, pardos, indígenas e quilombolas. – Foto: Marcello Casal jr./Agência Brasil

Espalhe notícia boa!

ARTIGOS RELACIONADOS
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes