domingo, 14/04/2024
Banner animado
InícioVida e Saude Espanhol desafia limites do corpo humano nas profundezas

Espanhol desafia limites do corpo humano nas profundezas

Banner animado

     Espanhol desafia limites do corpo humano nas profundezas            

         Mergulho Espanhol desafia limites do corpo humano nas profundezas Miguel Lozano vai tentar bater o recorde mundial de mergulho só com uma inspiração de oxigénio.

                    Chegar aos 122 metros de profundidade é um risco à sobrevivência do homem DESPORTO Espanhol desafia limites do corpo humano nas profundezas Reuters 18:32 – 04 de Novembro de 2014 | Por DN Share on printShare on email “Doze pessoas pisaram a Lua, mas só seis desceram a 120 metros de profundidade com apenas uma respiração.

                           ” A frase é do espanhol Miguel Lozano, de 35 anos, que se propõe bater, no final do mês, o recorde do mundo de imersão livre em apneia. Para isso terá de chegar aos 122 metros de profundidade com uma inspiração de oxigénio. PUB Fácil? Não é o que parece.

            Descer a uma profundidade tão grande no mar, segurando apenas numa corda até atingir a “meta” é algo que envolve muitos riscos e que só se consegue com uma preparação específica e muito cuidada. O corpo humano ultrapassa os seus limites de sobrevivência…

                o coração reduz as suas batidas para as 20 pulsações por minuto e a saturação de oxigénio no sangue baixa dos 50%. Para se ter noção dos riscos, basta referir que em repouso o coração tem entre 60 e cem batidas por minuto e que a saturação de oxigénio situa-se entre os 95% e 100%.

Postada por JL Pindado Verdugo

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes