domingo, 14/04/2024
Banner animado
InícioNotíciasPolicialFALSIFICADAS: Polícia apreende em dois dias mais de 1,2 mil camisetas...

FALSIFICADAS: Polícia apreende em dois dias mais de 1,2 mil camisetas de futebol da seleção brasileira e outros times

Banner animado
Fiscalização foi realizada em duas lojas que distribuíam produtos para todo estado

Assessoria | Polícia Civil-MT

Duas grandes lojas, que serviam de distribuidoras para todo estado de Mato Grosso, foram alvos de mais uma fase da Operação Gol Contra, deflagrada pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), para combate à pirataria.

Em dois dias de operação, segunda e terça-feira (09 e 10.10) foram apreendidas mais de 1,2 mil camisetas de futebol falsificadas, entre exemplares da seleção brasileira e times do futebol do Brasil e do exterior. Duas pessoas, responsáveis pelos comércios, foram conduzidas à Decon onde foram interrogadas sobre os fatos.

Os produtos eram anunciados nas redes sociais das lojas como “camisetas tailandesas”, réplicas de qualidade superior, que eram trazidas da região do bairro Brás, em São Paulo (SP) e de Goiânia (GO). As camisetas eram comprados por valores entre R$ 22 a R$ 100 cada e revendidas em Cuiabá por R$ 75 a R$ 130.

O delegado da Decon, Rogério Ferreira, ressalta que para o jogo pelas Eliminatórias Para a Copa do Mundo, nesta quinta-feira (12), a segurança no entorno da Arena Pantanal vai ser intensificada para o acompanhamento e prisão de suspeitos que expuserem camisetas piratas à venda ou que estiverem praticando outros crimes, como cambismo, furto e roubo no entorno do estádio.

“Em razão dos prejuízos causados aos times, aos fabricantes de produtos originais e à geração de emprego, a Polícia Civil de Mato Grosso vai aumentar o combate à pirataria de camisas de times de futebol e aqueles que estiverem vendendo camisetas em lojas, no entorno da Arena Pantanal ou nas principais avenidas da Capital, terão o material apreendido e serão conduzidos à Central de Flagrantes”, disse o delegado.

Destinação

Após a realização de perícia no material e a conclusão das investigações, as camisetas falsificadas que foram apreendidas hoje poderão ser doadas pela Polícia Civil para crianças e adolescentes carentes de programas e organizações sociais sem fins lucrativos de Cuiabá e Várzea Grande.

Pirataria

Segundo informações divulgadas pela CBF, o futebol brasileiro, em toda a sua cadeia, direta e indiretamente, representa 0,72% do PIB brasileiro, em um total de R$52,9 bilhões de reais anuais. Estudos apontam, ainda, que 37% das camisas de times de futebol comercializadas no País são falsificadas, o que significativo prejuízo aos times de futebol brasileiro e, em Mato Grosso, principalmente à equipe do Cuiabá.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes