terça-feira, 21/05/2024
Banner animado
InícioGeralCiência e TecnologiaMilhares de pessoas com diabetes tipo 1 receberão ‘pâncreas artificial’

Milhares de pessoas com diabetes tipo 1 receberão ‘pâncreas artificial’

Banner animado

Por Vitor Guerra

Imagem de capa para Milhares de pessoas com diabetes tipo 1 receberão ‘pâncreas artificial’ na Inglaterra
O pâncreas artificial melhora significamente a condição daqueles que vivem com diabetes tipo 1. Foto: Diabetes.org

Crianças e adultos que vivem com diabetes na Inglaterra vão receber um “pâncreas artificial” que melhora a qualidade de vida de quem tem a doença.

O dispositivo monitora continuamente a glicemia e ajusta automaticamente a quantidade de insulina administrada por meio de uma bomba. Além disso, o paciente tem acesso aos dados no próprio telefone!

Chamado de Hybrid Closed Loop System, o sistema elimina a necessidade de tirar sangue com um teste de picada no dedo ou injetar insulina manualmente. O BCLS será distribuído pelo NHS, o Serviço Nacional de Saúde do país.

Como vai funcionar

Conhecido vulgarmente como pâncreas artificial, o Hybrid Closed Loop System é simples.

Um monitor de açúcar no sangue, uma bomba de insulina e um software no telefone do paciente conversam entre si. Todo o processo é automático e, quando necessário, o sistema dispara insulina para controlar os níveis.

A implementação do sistema derivou de uma pesquisa com 835 adultos e crianças com diabetes tipo 1, que receberam o dispositivo e tiveram uma grande melhora de gestão na condição da doença.

“Este tecnologia transformadora tem o poder de redefinir a vida das pessoas com diabetes tipo 1, prometendo uma melhor qualidade de vida, bem como resultados clínicos”, disse Clare Hambling, diretora clínica nacional de diabetes.

Prevenção de hipoglicemia

O NHS também afirmou que o dispositivo pode prevenir ataques fatais de hipoglicemia e hiperglicemia.

Com os pacientes monitorando em tempo real os dados, é possível saber quando os níveis estão aumentando ou diminuindo.

Com o quadro controlado, os casos que podem levar a convulsões, coma ou até mesmo à morte, diminuem drasticamente

Pacientes aprovam

E entre aqueles que já estão usando o novo sistema, só elogios.

Les Watson, de 64 anos e morador de West Devon, convive com a diabetes tipo 1 há quase 44 anos.

Agora, ele vê sua vida ter uma grande melhora, uma vez que consegue ver os níveis de glicose no sangue em seu telefone.

“O maior benefício que posso dizer é que a carga mental de lidar com o diabetes tipo 1 com sistemas como este é tremendamente reduzida. Posso dormir à noite”, comemorou.

O sistema monitora continuamente os níveis de glicose no sangue e entra em ação quando preciso. Foto: Diabetes on the net.

O sistema monitora continuamente os níveis de glicose no sangue e entra em ação quando preciso. Foto: Diabetes on the net.

Com informações de News Sky.

Espalhe notícia boa!

ARTIGOS RELACIONADOS
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes