sábado, 24/02/2024
Banner animado
InícioNotíciasPolicialNORTÃO MT: encontrada morta mulher investigada por colar fita adesiva para tapar...

NORTÃO MT: encontrada morta mulher investigada por colar fita adesiva para tapar a boca da filha de 6 meses

Banner animado

Por g1 MT

Uma jovem, de 20 anos, suspeita de colar fita adesiva para tapar a boca da filha de 6 meses, em 2022, foi encontrada ferida na BR-163, em Sinop, a 503 km de Cuiabá, nesse domingo (3). Ela chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu e morre

Segundo a Polícia Civil, o pai da mulher recebeu uma ligação do telefone da filha, informando que ela foi encontrada caída no acostamento da BR- 163, próximo a uma empresa.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e encaminhou a mulher para o Hospital Regional de Sinop. Ainda de acordo com a polícia, a jovem estava com várias lesões pelo corpo, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade.

Investigada por maus tratos

Bebê de 6 meses tem fita adesiva colada na boca por chorar

Bebê de 6 meses tem fita adesiva colada na boca por chorar

A bebê teve a boca tapada pela mãe com uma fita adesiva enquanto chorava em casa. O caso foi registrado no dia 13 de março de 2022. Um vídeo gravado pelo pai repercutiu nas redes sociais.

Nas imagens, é possível ver a bebê deitada em uma cama, chorando com a boca tapada com fita. Em seguida, o pai retira o adesivo e questiona a mãe do motivo dela ter feito aquilo, mas ela permanece em silêncio.

De acordo com a Polícia Civil, o pai, de 26 anos, contou que filmou a atitude da mãe, 18 anos, em um “momento de bobeira”. O vídeo repercutiu nas redes sociais e chegou ao Conselho Tutelar. Uma equipe de assistência procurou a família e solicitou o registro do boletim de ocorrência na Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Sinop.

Segundo a polícia, a suspeita é que a mulher esteja com depressão. Ela foi levada para a casa da mãe dela para ser encaminhada a um psiquiatra em Guarantã do Norte.

Aos conselheiros, a avó da criança disse que a bebê é bem tratada e que esse foi um caso pontual, pois a jovem teve uma gravidez complicada e está com depressão. Por segurança devido à repercussão do caso, a família foi para uma fazenda, a 130 km da cidade, mas afirmou que irá se apresentar na delegacia nesta semana para prestar esclarecimentos.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes