quinta-feira, 07/12/2023
Banner animado
InícioNotíciasPolicialOperação policial apreende 1.680 camisetas de times de futebol falsificadas

Operação policial apreende 1.680 camisetas de times de futebol falsificadas

Banner animado
Nove pessoas foram detidas e responderão por crime contra a propriedade de marca e concorrência desleal

Assessoria | Polícia Civil-MT

Mais 1.680 camisetas de times de futebol falsificadas foram apreendidas pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), na Operação Gol Contra, deflagrada na sexta-feira (21.07), tem como alvo vendedores ambulantes que atuam com a venda de produtos piratas proximidades da Arena Pantanal, em Cuiabá. Nove pessoas foram conduzidas à Central de Flagrantes da Polícia Civil e autuadas por crime contra a propriedade de marca e concorrência desleal.

Os trabalhos contaram com apoio de policiais  da Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá e Delegacia Especializada de Defesa da Pessoa Idosa e da equipe do 10º Batalhão da Polícia Militar

Em uma ação conjunta, as equipes policiais abordaram de uma só vez todos os pontos de venda instalados nas Avenidas Ranulfo Paes de Barros e Agrícola Paes de Barros, que dão acesso ao estádio, e apreenderam 1.680 camisetas de times de futebol, principalmente das equipes do São Paulo Futebol Clube e do Cuiabá Esporte Clube. Os dois times duelam neste sábado (22) na Arena Pantanal, pelo Campeonato Brasileiro da Série A, masculino.

Segundo informações divulgadas pela CBF, o futebol brasileiro, em toda a sua cadeia, direta e indiretamente, representa 0,72% do PIB brasileiro, em um total de R$ 52,9 bilhões de reais anuais. Estudos apontam, ainda, que 37% das camisas de times de futebol comercializadas no País são falsificadas, o que significa prejuízo aos times de futebol brasileiro e, em Mato Grosso, principalmente à equipe do Cuiabá.

O delegado da Decon, Rogério da Silva Ferreira, destacou que as ações de combate à pirataria de camisetas de times de futebol serão intensificadas, em razão dos prejuízos causados aos times e à geração de empregos. “As ações terão como foco os vendedores que atuam nas proximidades da Arena Pantanal, assim como nas principais avenidas da Capital, tanto neste sábado, quando nos próximos jogos do Cuiabá, como no final de semana do dia 06 de agosto, quando a equipe mato-grossense enfrentará o flamengo”, disse o delegado.

Vigia Mais

A segurança no entorno da Arena Pantanal será intensificada ainda com o auxílio da tecnologia e a instalação de onze câmeras do programa Vigia Mais MT do Governo do Estado, o que possibilitará que a Polícia Civil monitore, em tempo real e à distância, suspeitos que expuserem produtos piratas a venda, assim como a prática de outros crimes como roubos e furtos nas proximidades do estádio.

Destinação

Após a realização de perícia no material e a conclusão das investigações, as camisetas apreendidas na operação poderão ser doadas pela Polícia Civil para crianças e adolescentes carentes de programas e organizações sociais sem fins lucrativos de Cuiabá e Várzea Grande.

Gol Contra

O nome operação faz referência aos consumidores que compram o produto falsificado para torcer e apoiar o time, porém na realidade, trazendo prejuízos à equipe, tratando-se de um verdadeiro “Gol Contra” no futebol. 

EDITORIAS

ATIVIDADES ESPECIAIS

DEFESA DA MULHER

GERAL

INSTITUCIONAL

INTERIOR

METROPOLITANA

OPERAÇÕES

POLÍCIA COMUNITÁRIA

Mato Grosso
Serviços
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes