terça-feira, 05/03/2024
Banner animado
InícioGeralEconomiaRecurso da Justiça do Trabalho garante continuidade de projetos desenvolvidos por duas...

Recurso da Justiça do Trabalho garante continuidade de projetos desenvolvidos por duas escolas de Peixoto de Azevedo

Banner animado

Crianças no computador

Em recente destinação, a Justiça do Trabalho em Mato Grosso e o Ministério Público do Trabalho (MPT) garantiram a continuidade de projetos desenvolvidos por duas escolas municipais de Peixoto de Azevedo. A primeira, no valor de 56 mil reais, vai possibilitar a ampliação do laboratório de informática da Escola Municipal Dom Hélder Câmara. A segunda vai garantir 25 mil reais em materiais esportivos para crianças e adolescentes da Escola Municipal Vida e Esperança.

Confira na Radioagência TRT

As destinações foram autorizadas pela Vara do Trabalho de Peixoto de Azevedo. Os valores são resultado de um acordo judicial firmado com um frigorífico de Matupá. A empresa realizou o pagamento de indenização por danos morais coletivos após ser acionada pelo MPT na Justiça do Trabalho em razão de irregularidades trabalhistas.

Esporte

O projeto “Viva o Esporte e o Bem-estar Social”, apresentado pela Escola Municipal Vida e Esperança, vai atender 300 alunos, com idades entre 4 e 14 anos, durante o contraturno escolar. Serão adquiridos equipamentos para a prática de diversas modalidades esportivas desenvolvidas nas dependências da escola.

De acordo com o projeto apresentado, a iniciativa busca promover atividades saudáveis e de socialização entre os alunos, além de incentivar a inclusão, melhoria da autoestima e o convívio comunitário. “A educação e o esporte devem estar interligados. É de suma importância proporcionar oportunidades para a prática esportiva nas escolas, visto que a universalização do esporte dá oportunidade aos alunos de vivenciarem experiências esportivas, recreativas e de lazer, que poderão contribuir significativamente com o processo de formação integral”.

Informática

Com a destinação, a Escola Municipal Dom Hélder Câmara vai adquirir 20 computadores, uma impressora e um data-show. Segundo o projeto, a unidade de ensino conta atualmente com apenas 10 computadores em funcionamento para atender 900 alunos, divididos em 38 turmas. “O número é muito abaixo para atender os alunos, já que sentam apenas três alunos por máquina para realizar as atividades solicitadas pelos professores”.

Localizada no bairro Bela Vista, a escola oferece educação infantil e ensino fundamental completo e deve, conforme enfatiza na solicitação, preparar e capacitar os educandos para as transformações que o mundo vem sofrendo, promovendo a inclusão digital. “A ampliação do laboratório abrirá um leque de possibilidades didático-pedagógicas, proporcionando um ambiente facilitador, instigante e motivador para a reflexão crítica, buscando conhecimento e a aprendizagem sucessiva independente dos alunos”.

Da Assessoria TRT/MT

ARTIGOS RELACIONADOS
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes