quarta-feira, 21/02/2024
Banner animado
InícioNotíciasEsportesTime alternativo do Palmeiras empata com Tombense e avança na Copa do...

Time alternativo do Palmeiras empata com Tombense e avança na Copa do Brasil

Banner animado

Fim de jejum! Pouco mais de dois meses após balançar as redes pela última vez — contra o Red Bull Bragantino, pelo Paulistão —, Breno Lopes voltou a anotar um gol pelo Palmeiras. Nesta quarta-feira (26), o camisa 19 marcou o único tento alviverde contra o Tombense, no Estádio Parque do Sabiá, em jogo que terminou empatado por 1 a 1. Alex Sandro conferiu às redes para os mandantes, já no fim da partida.

Com o resultado em Uberlândia, o Palmeiras conseguiu a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil por ter vencido a primeira partida por 4 a 2. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) vai definir os jogos da próxima fase da competição mata-mata via sorteio.

Enquanto isso, os comandados de Abel Ferreira voltam suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Às 18h30 (de Brasília) deste sábado, o Verdão recebe o Corinthians no Allianz Parque. O derby será válido pela 3ª rodada da disputa nacional de pontos corridos.

Já o Tombense passa a focar na Série B do Brasileirão. O time de Marcelo Chamusca recebe o Atlético-GO também neste sábado, às 18h15, em busca de sua segunda vitória no torneio.

O jogo — A partida começou truncada em Uberlândia. A escalação alternativa do Palmeiras e a formação mais ofensiva do Tombense denotaram, no início do jogo, uma certa falta de entrosamento das duas partes: os visitantes trocavam passes no campo defensivo, com calma, enquanto os mandantes tentavam uma pressão mais aguda.

Aos 12 minutos de confronto, Breno Lopes inaugurou o marcador. Giovani pressionou a saída de bola rival e fez o desarme, arrancando em velocidade. O camisa 17 do Palmeiras encontrou o herói da Libertadores de 2020 sozinho dentro da grande área: o 19 alviverde teve tempo de dominar e, com calma, furar as redes de Felipe Garcia para abrir o placar.

Com uma vantagem ainda maior na eliminatória, o Verdão ‘cozinhou’ mais o jogo. Sem pressa, o ataque alviverde, quando chegava, chegava com contundência: como por exemplo aos 29, em cabeceio perigoso de Flaco López após cobrança de falta de Jhon Jhon. Dois minutos depois, foi a vez de Giovani levar perigo ao gol dos donos da casa.

Aos 34, Flaco recebeu de Jhon Jhon após erro na saída de bola do Tombense e, dentro da grande área, bateu cruzado. Em nova chance perdida pelo atacante, a bola passou perto da trave de Felipe Garcia.

Perto do fim da etapa final, outra boa chance alviverde. Breno Lopes arrancou pela esquerda e serviu Vanderlan no miolo da grande área. O lateral esquerdo encheu o pé e forçou boa defesa do arqueiro do Tombense — a zaga mineira, na sequência, jogou a bola para escanteio.

Sem alterações para a etapa final, o Palmeiras voltou a levar perigo logo no início do período. Flaco López serviu Jhon Jhon na entrada da área e o camisa 40 chegou batendo, mas viu a bola desviar na defesa do Tombense e ir para escanteio.

A primeira chegada de perigo do Tombense aconteceu aos 7 minutos do segundo tempo. Guilherme Santos arrancou pela esquerda e, em velocidade, cruzou rasteiro para dentro da área, com força. A bola foi na direção de Weverton, que precisou espalmar.

Pouco depois, o Verdão respondeu com nova tentativa de Flaco López: dessa vez, o camisa 18 encheu o pé de fora da área, mas a bola foi por cima do gol. Aos 18 minutos, Breno Lopes cruzou para a área, Flaco desviou de cabeça e a bola sobrou limpa para Jhon Jhon que, entretanto, errou o cabeceio de frente para a baliza.

A outra grande oportunidade desperdiçada pelo Palmeiras aconteceu três minutos depois: Jhon Jhon serviu Breno Lopes na meia-lua, mas o camisa 19 parou em nova intervenção de Felipe após tentativa de chute por cobertura.

Aos 24, Abel Ferreira chamou Piquerez, Mayke e Rony, de volta após se recuperar de uma fratura no antebraço direito, para o jogo. O Rústico levou perigo pouco tempo depois e ‘chamou’ a torcida para o confronto, em chute da entrada da área.

Aos 34, Rony cruzou, Felipe Garcia não conseguiu encaixar e soltou a bola no pé de Luis Guilherme. No rebote, a Cria da Academia foi fatal — no entanto, após checagem do VAR, Ramon Abatti Abel anulou o tento por impedimento.

Quem de fato balançou as redes foi Alex Sandro, do Tombense. Seis minutos depois, após erro na saída de bola de Fabinho, o camisa 9 da equipe mandante arrancou pelo meio e chutou forte, no canto direito de Weverton, sem chance de defesa para o goleiro do Verdão: 1 a 1.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes