domingo, 14/04/2024
Banner animado
InícioCOMUNIDADE EM PAUTAExpectativa de vida do brasileiro sobe, conforme mostra novo levantamento do IBGE

Expectativa de vida do brasileiro sobe, conforme mostra novo levantamento do IBGE

Banner animado

Por Karen Belém

Imagem de capa para Sobe expectativa de vida do brasileiro, mostra novo levantamento do IBGE
O brasileiro nascido em 2022, agora tem expectativa de viver, em média, até os 75,5 anos, de acordo com nova a pesquisa do IBGE. – Foto: Kaique Rocha/Pexels

A expectativa de vida do brasileiro voltou a subir e chegou a 75,5 anos em 2022, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). São 4,2 anos a mais comparando com 2021. 

O estudo mostra, pela primeira vez, os impactos da pandemia de covid. Em 2020, quando tudo começou, a expectativa caiu de 76,2 para 74,8 anos. Em 2021, a expectativa caiu de novo e chegou a 72,8. 

Separando por gênero, em 2021, a expectativa era de 73,6 anos para um homem. Em 2022, foi para 72 anos. Já para as mulheres, em 2021 a previsão era de 80,5 anos, e foi para 79 anos. 

O que é essa expectativa de vida?

É a média do tempo que as pessoas podem viver. 

Por exemplo: espera-se que um recém nascido em 2022 viva, em média, 75,5 anos, caso ele viva ao longo de sua vida os mesmos níveis de mortalidade que a população apresentou em 2022. 

Mas essa estimativa leva em conta muitos fatores, como saúde, condições de vida e até avanços médicos. 

O estudo 

Esse estudo é chamado de Tábuas de Mortalidade.

É o IBGE quem faz os cálculos sempre depois que ocorre um Censo Demográfico e que novas informações sobre os óbitos ficam disponíveis. 

Esses dados ajudam a calcular coisas como o fator previdenciário, que é importante para decidir quanto as pessoas vão receber de aposentadoria.

E ainda é útil para orientar políticas públicas e promover o bem-estar geral.

Deve crescer mais! 

Em 1940, o brasileiro tinha expectativa de 45,5 anos. 

Em 80 anos, tivemos um aumento de quase 30 pontos. 

E a expectativa é que esse número continue aumentando nos próximos anos.

Como dizem nas redes sociais, “o INSS que lute”, (rs)

Essas informações são usadas como uma maneira de determinar o fator previdenciário. - Foto: Leung Cho Pan

Essas informações do IBGE são usadas como uma maneira de determinar o fator previdenciário. – Foto: Leung Cho Pan

SNB / Com informações IBGE.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes