sábado, 02/03/2024
Banner animado
InícioNotíciasEsportesVini Jr. é nomeado embaixador da boa vontade pela Unesco

Vini Jr. é nomeado embaixador da boa vontade pela Unesco

Banner animado

Por Karen Belém

Imagem de capa para Vini Jr. é nomeado embaixador da boa vontade pela Unesco
Vini Jr com a Diretora Geral da UNESCO, Audrey Azoulay, na cerimônia em que é nomeado embaixador da organização. – Foto: reprodução/ Instagram @ vinijr

Mais um título fora dos campos! O craque brasileiro, Vini Jr., de apenas 23 anos, foi nomeado embaixador da boa vontade para a Educação para Todos pela Unesco (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura).

Vini Jr. recebeu uma camiseta azul marinho das mãos da diretora-geral da Unesco, Audrey Azoulay, em cerimônia celebrada no campo de treinamentos do Real Madrid.

Essa nomeação é “mais do que uma honra, é uma vitória e um dever que carregarei para a vida”, disse o jogador ans redes sociais. Ele é o segundo brasiliero a receber esse título, o primeiro foi o Rei Pelé.

Mas por que Vini Jr. foi escolhido?

Vini Jr. foi descrito por Azoulay como “jogador excepcional”, um ” homem comprometido desde muito jovem com a igualdade de oportunidades” e “um modelo para toda uma geração”.

O craque fundou o Instituto Vini Jr. justamente com o propósito de ajudar a transformar o futuro de jovens que muitas vezes não têm as mesmas oportunidades que outros.

A diretora ainda acrescentou que o atacante brasileiro “enfrentou em diversas ocasiões preconceitos e atos racistas, sobretudo por parte de torcedores” e “tem colaborado com a UEFA e com o Brasil para romper o silêncio e promover os valores do respeito e do diálogo”.

Ele já recebeu outro prêmio

A nomeação de Vini Jr. como embaixador da Unesco é uma merecida premiação por seu compromisso social.

Ele recebeu o Prêmio Sócrates em 2023, durante a cerimônia da Bola de Ouro, por seu trabalho em prol da educação e igualdade de oportunidades.

“Claro que quero ser lembrado como um grande jogador, mas também como um cidadão que se esforçou para fazer algo diferente”, acrescentou o craque.

“Quero ser uma referência”

“A minha luta é pela educação. Meu Instituto cresce mês a mês no Brasil e, com a potência que é a Unesco, vamos impactar o mundo. Quero ser uma referência positiva para as crianças e que elas sintam orgulho de mim. Por isso, me cobro bastante para errar pouco fora de campo”, disse o atleta.

Além de Vinícius, a atriz espanhola Rossi de Palma, o ator americano Forst Whitaker e o chefe ítalo-argentino Mauro Colagreco também são embaixadores da Unesco.

A organização estima que cerca de 250 milhões de crianças e adolescentes no mundo não têm acesso à escola.

E essa é uma realidade alarmante que precisa ser transformada!

Veja no instagram

Espalhe Notícia boa!

ARTIGOS RELACIONADOS
- Anúncio -
Banner animado

MAIS LIDAS

Comentários Recentes